22 janeiro, 2009

Só uma dose!


Lembra do post sobre café affogato?
Nele, citei a cafeteira Bialetti “one Shot” Pois bem, quando visitei Roma ano passado, tinha a idéia que seria fácil fácil comprar uma bela cafeteira! Ledo engano...como foi difícil encontrá-las, desde a mais simples até a tão sonhada e desejada Ariete Retrô. Pois bem, rodando por uma Roma nada turística, numa feira livre local, me deparei com uma banca de cafeteiras Bialetti. Olha dicá, pechincha de acolá e comprei uma Bialetti (na verdade foram duas, uma foi presente) de uma única xícara como a da foto. Grande negócio, para quem estava disposto a investir (pois é, cafeteira é investimento e não despesa! :o) 120,00 Euros numa Ariete e volta pra casa com duas por 30,00 Euros!
Abaixo, você lerá as Impressões e comentários sobre esta cafeteira na visão do presenteado:

“Em primeiro lugar, é sensível a diferença entre ela, "a legítima cafeteira italiana" e essas vendidas na Casa&Vídeo. Não somente pelo design desta - diferente das demais, conferindo um charme especial - mas pela qualidade do material e do café extraído dela.Esta é ideal para quem quer fazer um café, e um bom café, em uma xícara somente. Coloque o pó, com moagem específica para este tipo de cafeteira - não tente usar moagem fina ou um Pilão da vida, pois além de ser uma heresia, fará o café sair "espirrado", borrando a xícara e o fogão. Evite também compactar o pó, apenas arrume-o uniformemente no filtro. Não coloque a xícara na base assim que levar ao fogo, pois esta ficará muito quente, dificultando ou impossibilitando pegá-la. No meu caso, que uso fogo médio e uma chapa de alumínio para colocar sob a cafeteira, o café começa a sair somente após o 2º minuto, que é quando eu coloco a xícara. Este é outro diferencial deste modelo, permitir que a xícara fique aquecida, o que é ideal e recomendado. Quando começar a extrair o café, segundos depois o fogo já pode ser desligado. Se você aguardar a extração até o final, não cairá nenhuma gota sobre a base, contudo, se isso acontecer, é facílimo a limpeza.Pronto, você tem um café na temperatura certa, servido em uma xícara aquecida, perfeitamente extraído e, se você escolheu um bom pó (por favor!), com aroma e sabor que uma cafeteira como essa merece.”

7 comentários:

vlmauricio disse...

Muito interessante esse "review", tenho uma Bialetti Brikka que minha mãe trouxe pra mim também quando foi à Itália, é impossível achar uma aqui. Por enquanto, é a melhor maneira que encontrei de fazer um ótimo café em casa sem recorrer a máquinas de espresso. O creme formado tem de 1 a 2mm e o café fica sensivelmente melhor em comparação a uma Bialetti comum.

Gourmandise disse...

vi uma dessas em Serra negra, mas tirava duas xícaras por vez...lembro de ter pensado: e se estou sozinha?! rs
bjo

espressa-mente! disse...

rapaz, esta Brikka seria a de fundo liso?
recentemente arrumando a dispensa descobri que tenho 3
"bias", de 1,3 e 6 xicaras! :o)
Tb estou com a "bia" de um amigo que faz capuccino para eu encontrar a melhor moagem/marca de pó. Haja vista a que meu amigo usa, espirra café para todos os lados!
Tks pela visita e bom café!

Dan disse...

Quer dizer que foi comprada num camelô em Roma?? E eu achando que tinha sido numa loja só de cafeteiras com direito a certificado de fabricação, número de série, procedência e tudo o mais..... :o))

espressa-mente! disse...

Dan!!!
nao gostou?
basta reembolsar a valores atualizados! :OPlanilha é claro!!!
aproveito para anunciar:
VENDO CAFETEIRA BIALETTI "ONE SHOT" pouco uso!!! :O))

Dan disse...

Ora, pelo visto quem não gostou foi vc, até colocou a sua à venda! rs Pouco uso?? Acho que está mais para sem uso... :o)) Eu estou bastante satisfeito, ainda mais agora que descobri o affogato com sorvete de passas ao rum.

Botto disse...

Marcus, pra um mero mortal apreciador de um bom café, mas nem de longe como vocês, teria uma cafeteira italiana boa, e acessível, encontrada aqui pelo rio que você indicasse?
Grande abraço e parabéns pelo excelente blog,
Botto